Confortável na noite: looks para sair de casa sem salto

Ultimamente nós temos falado muito de conforto por aqui, né? Com a idade maturidade, a gente vai prezando cada vez mais o conforto na hora de se jogar na balada, ou de curtir um happy hour estendido com os amigos. E, por outro lado, hoje em dia existem muuuuitas opções de tênis, sapatilhas, sapatos e botinhas que são perfeitos para sair a noite, e que carregam muito estilo e modernidade.

Como a gente já disse em vários posts, sobre sapatos metalizados e tênis, existem diversos modelos que conversam muito bem com looks de noite. E agora, com a moda dos sapatos com pegada metalizada, holográfica e glitter, fica mais fácil ainda.

Se você é mais discreta, uma combinação bacana é o famoso preto e branco aliado à um oxford metalizado ou tênis holográfico, que chamam mais atenção. Já se você é despojada, porque não investir num vestido midi com tênis branco? Para complementar o look, invista em acessórios com maxi colares, pulseiras e uma maquiagem mais carregada.

E aí pode se jogar dançando a noite toda, que de dor no pé você não ter como reclamar <3 Confira nossas sugestões:

2a4435cab00394ae30367ca5b9819956 03bcd7f47a7a0746115ebe970c50e21c 4b6a44dfa324484ee84f4c5e5b8595ec 6a9c361367c95ba2577dd6018c3e5637 8a504257358f0555aac9ec31a653079e

Continue Reading

Reflexão sobre moda, sustentabilidade e consumo consciente

slow_fashion

Ultimamente venho refletindo muito sobre sustentabilidade e sobre como nosso mundo precisa mudar a forma de consumir, antes que aquele futuro caótico mostrado nos filmes e nas séries vire realidade. Nas últimas décadas a gente viveu um boom do consumo, fomos bombardeados pela mídia com propagandas e compramos a ideia de que a gente nunca tem o suficiente, e precisamos comprar mais e mais.

Basta ver a velocidade em que uma tendência surge e vai embora, e nesse meio tempo a gente precisa estar na moda e comprar tudo o que corresponda aquela tendência. E olha, eu me incluo muito nisso. Hoje em dia já tenho mais consciência, e antes de comprar qualquer coisa, me pergunto: vou usar isso daqui a seis meses? Eu preciso dessa peça? Isso tem a ver com o meu estilo?

Nesse aspecto, a descoberta da identidade, e consequentemente do estilo, ajuda muito no processo. Afinal, ao se descobrir, você já descarta uma série de tendências passageiras e passa a dar valor a peças mais duráveis e que conversem com a sua personalidade. Mas ninguém está imune a se apaixonar por uma moda do momento, por mais consciente que nós possamos ser.

E você pode até não se questionar sobre isso, mas essa onda de um consumo mais consciente na moda tem muito a ver com sustentabilidade. Se engana quem pensa que o conceito da sustentabilidade é aplicado apenas à natureza, poluição, exploração, etc. Ok, ele começa aí, mas o tecido da sua brusinha vem de onde, querida? Uma roupa passa por uma série de processos até chegar ao seu guarda-roupa, e na hora de repensar o consumo, é preciso refletir sobre isso.

Mas ok, e o que é o consumo sustentável? Eu sei que não sou nenhuma especialista sobre o assunto, mas em termos práticos, uma roupa para ser sustentável precisa superar o ciclo planejado, ou seja, ela deve ser reaproveitada mesmo quando a “moda passa”. E isso engloba várias questões, seja o reaproveitamento da peça inicial para a criação de novas peças (vestido que vira saia e blusa, por exemplo), a troca dele com outras pessoas, ou simplesmente a readequação da peça em outras estações e temporadas. Nesse artigo aqui, você pode entender melhor vários conceitos da moda sustentável, que vem desde o design até a compra final.

E por que eu tô falando disso aqui hoje? Porque mais do que nunca nós precisamos virar nossos olhos à alternativas sustentáveis, porque o planeta pede socorro. Se você não sabe por onde começar, já existem várias iniciativas incríveis que podem te ajudar:

  • Eventos de troca: reúna suas amigas para vocês trocarem roupas entre si, seja de graça, seja por um precinho bem camarada. Faça aquela limpa no seu guarda-roupa com peças que você não usa mais, não gosta, não te servem, enfim, e troquem entre si. Além de ser um evento divertido, você ainda pode fazer outras pessoas felizes e renovar seu armário. Um exemplo muito bacana que acontece em SP é o Trocaderia, mas você mesmo pode organizar um aí, na sua cidade.
  • Descubra seu estilo, desconstrua padrões e aprenda assim a comprar só o que tem a ver com você. No meio de tantas informações, é difícil não cair na tentação de consumir o que se vê pela frente, e no fim você fica com uma peça encalhada lá no fundo do armário porque ela simplesmente não tem nada a ver com você. Se você precisa de uma ajudinha, o evento Desconstrua a Moda, da minha amiga Aly Takai e da incrível Ana Soares do Hoje Vou Assim OFF (blog que eu amooo) é feito exatamente para te ajudar nisso. Infelizmente as inscrições pro último workshop do ano já estão encerradas, mas bota no seu radar porque ano que vem tem mais, e eu indico muito a participação!
  • Compre do pequeno: assim como no consumo de alimentos, o pequeno produtor de roupas precisa de incentivo. Compre dos pequenos ateliers, onde você sabe os processos, de onde vieram os tecidos, e onde você pode inclusive participar do processo de criação. A chamada slow fashion é um movimento que incentiva o consumo consciente, e que procura produzir a moda que não vai e vem, são peças trabalhadas para durarem e que preza por processos éticos de produção. Eu sou suspeita para falar, mas a Denise, minha parceira de blog, tem o Atelier Enjoy que segue essa linha, e são peças feitas por ela e pela avó, que além de lindas, carregam muito carinho em cara produção.
  • Uma iniciativa bacana em São Paulo é o Ateliê Vivo, que é uma biblioteca de modelagens, onde você pode levar seu tecido, cortar e costurar lá mesmo com base em moldes de grandes estilistas, como o Alexandre Herchcovitch.

Enfim, existem muitas iniciativas bacanas por aí, e se você conhece, me conta nos comentários porque eu também quero conhecer!

Espero que essa reflexão provoque boas discussões entre a gente, e se eu fui rasa, me digam nos comentários porque quero muito aprender mais sobre o tema.

Vamos conversar sobre consumo sustentável?

Continue Reading

Para fazer maratona: Luke Cage

luke-cage-teaser-11

Olha eu de volta com dicas de séries! A de hoje eu terminei no fim de semana inteiro, é daquelas séries que você não consegue parar de ver. Tô falando de Luke Cage, a série do Netflix e da Marvel, que conta a história do herói que dá nome à série.

Se você assistiu Jessica Jones, você com certeza já conhece o Luke. Mas fica tranquilo, não precisa assistir um pra entender o outro, porque Luke Cage é bem focado na história dele. E se você não curte filmes de heróis, também fique tranquilo, é mais um filme policial e de suspense que um filme de herói da Marvel.

16267375

Pra dar aquela contextualizada básica, Luke Cage é um ex-presidiário que durante sua estadia na prisão passou por uma experiência que deu uma “transformada” nele. Digamos que ele ficou indestrutível, impenetrável e muito, muito forte. Sem saber como lidar com os poderes, Luke resolve fugir deles e tentar viver uma vida normal. Só que claro, ele não consegue, e acaba se metendo em um monte de confusão.

luke-cage-mike-colter-1000x600

A série é ambientada no Harlem, bairro predominantemente negro em NY, e por lá o Luke acaba ficando famoso por seus feitos. Só que não num sentido muito bom, e isso vocês vão entender assistindo! A série é viciante, os personagens são envolventes, e o Luke Cage…sinceramente, QUE HOMEM!

lukecage_01

Porém, a série tem personagens femininas muito fortes, como a detetive Misty, a enfermeira Claire (que já aparece em Daredevil e Jessica Jones) e a vereadora Mariah Stokes, que mesmo com a índole duvidosa, é impossível não se apaixonar por ela.

luke-cage-compositori-della-colonna-sonora-parlano-della-serie-v3-273839-1280x720

Outro ponto incrível da série a ser destacado é a trilha sonora (que inclusive vai ser lançada em breve em vinil e no Spotify), que tem muito jazz, blues e r&b, que tocam geralmente no Harlem’s Paradise, a melhor balada da série hahahah.

ht_luke_cage1_mem_160722_4x3_992

Eu fiquei apaixonada e completamente viciada nos dias que assisti. Recomendo muuuito, assistam e me contem o que acharam ♥ 




Continue Reading

Meu novo vício: cobre e bronze na decoração

O bronze é o novo ouro no nosso coração! Hahhahaha com o perdão do trocadilho péssimo, aliado à tendência industrial, os toques em bronze são a nova febre da decor. Eles podem aparecer em pequenos detalhes, como enfeites de mesa, suportes e vasos de planta até em móveis completos, como cabeceiras ou cadeiras.

O toque de bronze dá um aspecto sofisticado e ao mesmo tempo moderno ao ambiente, com aquele aspecto bem industrial mesmo, sabe? Só que longe de parecer algo desgastado ou velho, o bronze aparece nos detalhes como uma sofisticação à locais mais rústicos.

Você pode abusar do bronze em vários detalhes, e se falta opção no mercado, até tintas spray podem dar aquele tapa em um pote velho que você tem aí em casa. O resultado é incrível, olha só:

3cadbe266ccd786e29bc5c79beb57382 4ed71ba49783dfe3eb0c819012f4f3ee 5ba228a6d3c1e84a622cd12e513b394a 24bca961ac017851e71bacc533ce981f 43e5d8be998d39d204a8997b67177d37 7582105c62a41f89e5424611e9adb735 a309f20c14d8ce30b188bd1980129950 b6c9a3d2cea7d7d4948c312417e9b185 b98aff2da8b3d709bb22a7471aa3e08c

Incrível, né?

Continue Reading

Eu quero: sapatos metalizados

Eles chegaram de vez. Analise 10 de 10 vitrines de lojas de sapato e procure alguma que não tem pelo menos um sapatinho metalizado. Sejam oxfords, botinhas, tênis, sapatilhas, mocassins ou rasteirinha, a tendência metalizada que começou a ganhar espaço no inverno, tomou seu espaço na primavera-verão.

O mais legal é que o metal pode estar nos detalhes, caso você não se sinta muito confortável de usar um todo prateado, por exemplo. Ah, e as cores, tem de tudo também: prata, dourado, bronze e até rose quartz.

Como usar? Como ele é uma peça mais chamativa, é ótimo para combinar com aquele look super básico, de calça jeans e camiseta branca. Porém, ele fica ótimooo também com peças chamativas, estampadas, vestidos, saias, e até aquele blazer estampado que você guarda no fundo do armário porque nada “combina”. A ordem é: use com o que você gosta e se sente bem. O sapato metalizado é só um detalhe.

Tô louca pra comprar um tênis com biqueira de metal, e vocês? Vamos nos inspirar em alguns looks?

71b0820af025810e1886577c9f18f67d

2b90b45b75c1a4e30c74ebbf62a7fd7e
5e4b96752b8b056f943e0c56cbbef12d 8a504257358f0555aac9ec31a653079e 10a973843ead1d986c02cf577eec9d92 828b6c6c1fe3c747250437ded8fba726 9353f95a9d12c6ed5f1f2fa680354059 3848129a2e2c4d3326875d374e44f3ba ca6d2372a81fa6c5c2f37abb1f4baddc d42fb65beffa944042cff87af7ad8e88 ed860daab95d97e54d1cce01685afa02

Não é de se apaixonar? ♥

Beijos

Continue Reading

Isabela Capeto e Disney para C&A

O dia das crianças tá batendo na nossa porta (socorro, o ano tá passando rápido demais!) e para comemorar, a C&A lançou na última segunda-feira, dia 19, a coleção cápsula em parceria com a estilista Isabela Capeto e Disney. Nós fomos lá conferir de pertinho e quem nos acompanha no Instagram @souphyna viu em primeira mão! Spoiler: a coleção tá muuuuuito fofa!

São jeans, vestidos, camisetas, sapatinhos e até biquínis que levam com muita fofura os personagens mais adorados da Disney, Mickey e Minnie, para o estilo dos pequenos. Tem muita coisa fofa, e roupa com cara de roupa de criança, sabe? Apesar disso, são muito estilosas e confortáveis para os pequenos brincarem muito.

Um destaque fofo para as aplicações em patches nos jeans para as meninas. Tem nos shorts, nas jardineiras e nas camisetinhas. Uma fofura só! Em estampas, os papais vão deixar os filhotes muito estilosos porque tem muita listra, muita estampa e até algumas cinzas, do jeito que eu gosto hahaha.

Mas as mamães podem ficar sossegadas, porque tem t-shirts para adultos também, e elas são fofas iguais! Tem algumas que são iguais às infantis, pra você sair igual a sua filha, que tal? ♥

Querem ver a fofura em primeira mão? Fizemos algumas fotos por lá! Vem morrer de amor:

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset

Processed with VSCO with a5 preset
Processed with VSCO with a5 preset
Muita coisa linda, né? A coleção chegou ontem às lojas da C&A, e os preços vão de R$ 19,99 a R$ 79,99

 

Continue Reading

Tapete Vermelho: Emmy Awards 2016

Nossa, há quanto tempo não venho aqui falar de tapete vermelho, né?

Quem me conhece e acompanha nas redes sociais sabe que o Emmy é a minha premiação preferida, porque eu assisto a maioria das séries que concorrem (sim, sou a louca das séries). E ontem pude comemorar meus preferidos Game Of Thrones, Orphan Black e Mr. Robot levando os prêmios mais esperados da noite, e só isso já me deixaria muito feliz!

Mas ontem consegui acompanhar o tapete vermelho, que acontece antes da premiação, e hoje vim aqui mostrar meus preferidos da noite. Já começo adiantando que não tem muitas surpresas. Esse ano, o minimalismo, as silhuetas bem trabalhadas, e o preto e nude imperaram. Pouco brilho e renda, diferente dos anos anteriores. E não que isso seja ruim, pelo contrário. Acho que foi uma das primeiras premiações que eu gostei de grande parte dos vestidos. Apesar da pouca surpresa na cartela de cores, destaco o vestido lindo da Sarah Paulson que segurou um Prada verde esmeralda todo trabalhado, e a Priyanka Chopra que foi com um vermelho fluído que fez muita gente babar.

Sem mais delongas, qual o preferido de vocês?

607568650 607569442 607570922 607571082 607572972 607573980 607574202 607576450-1 607576612 607577670 607579180 607624214 607624416 607629476 607629916 kerry-washington-front-zoom-0944e183-3cd2-413b-af99-5e707d67ee5f

Só vestido maravilhoso, né?

Continue Reading

vinte e cinco

large

Então, é meu aniversário. Meu aniversário de 25 anos. Só aqui no blog já foram uns cinco aniversários comemorados em forma de texto, né? Mas esse é especial. Pode parecer uma data como qualquer outra mas lá no fundinho eu sempre quis fazer 25 anos.

Eu sonhava com meus 25 anos desde a minha pré-adolescência. Porque? Nem eu sei. Só sei que imaginava tanto, nos meus sonhos eu já seria super adulta, bem sucedida, e até casada? Algumas das previsões não se completaram, e com certeza não sou a pessoa de 25 anos que eu imaginava com 12.

Mas com certeza, meu eu de 12 anos ficaria feliz de conhecer meu eu com 25. Eu não sou bem sucedida como eu imaginava, mas eu já conquistei muita coisa. Coisas que aliás, com meus 22 eu não imaginava já ter com 25. Nos últimos dois anos mudei de cidade, saí de casa, mudei de casa três vezes sozinha, mudei de emprego, encontrei o amor, pintei o cabelo, viajei, conquistei bens que eu desejava, fui a shows que eu sonhava, me desafiei, tive porres memoráveis, crises de choro memoráveis, crises de riso ainda mais. Chorei de saudade, de desespero, de felicidade, de tristeza, de raiva. Se tem uma coisa que aprendi com o passar dos anos é a não segurar o choro.

Se há três anos me dissessem o que eu ia passar até chegar aos 25, eu não acreditaria. Eu chego a esse aniversário com um saldo muito positivo e feliz. Eu só tenho motivos para agradecer, e isso não é clichê. Agradecer pela minha família abençoada que sempre me apoia e que eu amo mais que tudo, pelos meus amigos incríveis, pela irmã que a vida me deu (a Deh sabe que tô falando dela rs), pelo homem mais incrível do mundo que eu tenho o prazer de ter do lado, pelas conquistas, pelas derrotas, por cada perrengue que hoje eu dou risada. Tenho que agradecer por toda pessoa que me disse “vai passar”, porque passou.

E eu agradeço de coração a todos que dedicaram um minutinho do dia pra me desejar parabéns.

Gratidão ♥

Continue Reading

Eu quero um chinelo Rider e só Deus pode me julgar

Sim, pode me chamar de influenciável, de modinha, de poser (olá 2005), mas eu estou louca pela moda do chinelo slide, mais carinhosamente chamado de Rider. Quem nunca apanhou de Rider nos anos 90 que atire a primeira pedra. Esse chinelo, que pode ter muitas memórias traumáticas nas nossas cabeças juvenis, está de volta com tudo e eu tô bem louca pra ter um sim, e só Deus pode me julgar.

0639e71223be0dcb734bf6a016c997ae

Apesar de cortar um dobrado com o Rider da minha mãe, que além de deixar os dedos pra frente de forma horrorosa, tinha a capacidade de sair voando a cada mal-criação, esse é o chinelo que eu mais amei em toda a minha vida. Desde pequena eu tenho um trauma com o meu pé, que eu acho bem horroroso (pra vocês terem uma ideia, eu tenho joanetes desde criança kkkk), então o slide era o chinelo que mais conseguia comportar meu pézinho. Além do que, eu tinha os pés bem tortos quando criança, então só aquele rider com elástico que segurava hahahah. Eu tinha um da Minnie, que o fecho de velcro era o lacinho, um primor de tão lindo.

chinelo-slides-1

Sem mais delongas, a verdade é que a Adidas lançou um slide ano passado e ganhou o coração de todo mundo. Eu achei que não diria isso, mas tô louca pra ter o meu, porque ele parece tão confortável, bem melhor que aquelas rasteirinhas cheias de pedra que são mais duras que meu bolso no fim do mês. Eu não gosto de chinelo, eu não gosto de rasteirinha, mas tô louca por um rider e ninguém pode me julgar. Aliás, a própria Rider pegou o bonde e lançou um modelo comemorativo, que é igualzinho o da minha mãe que já voou algumas vezes em mim! HHAHAHHAHAHAHAHAH apenas quero! Mas se você quer algum mais estiloso, já tem modelos com brilhos, estampas, aplicações e tudo mais.

Separei alguns looks com o chinelo, vem comigo: 
aqmyymmolsk2016021810334618022016 chinelo-slide-5 chineloslide2 chinelo-slide chinelo-calc%cc%a7a

 

Tem pessoas usando com meia, mas aí já é demais pra mim, sabe?

Qual a opinião de vocês sobre essa moda polêmica?

Beijos

Continue Reading

Inspiração: ombré hair em cabelo curto

Olá meus amores, até que enfim é sexta!

Como todo mundo sabe (e se não sabe, tá sabendo agora), meu aniversário está chegando e todo ano, me dá uma vontade louca de mudar alguma coisa em mim pra receber a nova idade hahaha! Seja mudar meu estilo, meu cabelo, experimentar um acessório novo, enfim, sempre gosto de dar alguma renovada.

Geralmente eu sempre corto o cabelo, mas esse ano queria radicalizar mais! Sempre tive o cabelo escuro, com leves variações de cor, mas pintar mesmo, eu nunca pintei. Não tenho coragem de mudar a cor de uma vez, mas procurando no pinterest algumas ideias, me deparei com muitas ideias de ombré-hair pra quem tem cabelo curto. E olha, vou dizer que me apaixonei. O estilo de coloração tem muito a ver com o corte long bob, que é o que eu tô agora. Você não muda radicalmente, mas dá uma iluminada na expressão.

Aliás, o ombré é ótimo por isso, você dá aquela iluminada de diva no rosto, sem precisar descolorir inteiro. Separei muitas ideias legais, se você tem o cabelo curto como eu, ou está afim de cortar, bora salvar na pastinha de ideias pra mostrar pro cabeleireiro. Será que eu tenho coragem?

1 916bed721cba54299e069e02caaeb378 042828F5U 94674d4dc0664e9bceed7a03f73735e6

b90305026271f55f684c061bfe47da23 ca8c9a91a950b7d6f1cda7f7334d88b9

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cute-Short-Ombre-Hair Discrete-Ombre-Style-For-Dark-Hair Layered-Messy-Ombre-Hair-with-Waves2

Qual é o preferido de vocês?

Beijos

Continue Reading