5 dicas para organizar seu tempo

De volta com mais 5 dicas pra vocês, hoje vou falar de um tema que é um problema muito grande pra nossa geração: o tempo. Nós passamos nossas semanas reclamando que não temos tempo de nada, enrolando pra fazer coisas simples e perdendo muito tempo com coisas que poderiam ser feitas com muita rapidez e acabamos perdendo tempo de aproveitar as coisas legais. E isso eu falo de mim também, o tempo que eu gasto procrastinando ou enrolando com tarefas simples e que poderia ser usado em outras é algo que me preocupa, e sei que muita gente que também sente isso. Então o 5 dicas é um exercício pra todo mundo hoje!

large

1 – Faça listas: isso é bem uma mania de virginiano, mas funciona e ajuda a organizar a vida. Faça lista desde tarefas pequenas a grandes e se esforce pra seguir a lista. Listas de trabalhos, estudos, tarefas domésticas, compras, tudo isso ajuda a te fazer perder menos tempo em cada uma delas, e priorizar o realmente merece prioridade. Listas de supermercado, por exemplo, ajudam a economizar tempo e dinheiro, porque você não precisa ficar se lembrando do que tem que comprar, e nem se deixa levar pelo desejo momentâneo de comprar coisas supérfluas.

2 – Seja disciplinado com seus horários: a gente perde, e nisso eu me incluo, muito tempo só rolando o feed das redes sociais e acaba perdendo o horário de tudo. Essa dica vale pra dica acima, se você determinou um horário nessas listas, cumpra pra que seu tempo livre não seja comprometido.

3 – Separe um tempo pra você: isso é importante, não adianta você delimitar horários e tarefas e não separar um tempo pra você. Seja pra praticar alguma atividade física, seja pra ver filmes e séries, seja pra ficar sem fazer nada. Todo mundo precisa de um tempo fazendo nada.

4 – Respeite seus limites: eu sei que em épocas de TCC, vestibular, concursos públicos ou uma entrega importante no trabalho, todo mundo tem a tendência de virar a noite acordado tomando energético e café, até conseguir terminar tudo. Mas o intuito de conseguir organizar seu dia é conseguir um tempo pra descansar, porque nosso corpo pede. Então, organizar seu dia é também priorizar as horas de descanso e, principalmente, conseguir fazer tudo com antecedência e tempo hábil pra poder viver como uma pessoa normal e que dorme à noite. Acredite, é possível.

5 – Não seja escravo da sua lista: claro que organizar seu tempo é incrível, mas não faça listas rígidas que te tornem um general de si mesmo. Seja flexível e resiliente porque tem hora que as coisas não acontecem do jeito que a gente planejou e isso é ok. Saiba remanejar suas tarefas se for necessário, porque senão, ao burlar uma das tarefas, você não vai conseguir fazer mais nada que estava depois dela. Organizar é ótimo, mas se as coisas saírem do trilho, não se desespere, tudo vai voltar a caminhar se você souber recalcular a sua rota.

Espero que as dicas ajudem tanto a vocês quanto a mim! Ótima receita pra começar a segunda-feira já planejando seu tempo a seu favor 😀

Continue Reading

5 dicas para você levar seu relacionamento de forma mais leve

Olá phynas, como estão todas vocês? Espero que bem, até mesmo porque hoje vou dar 5 dicas bem legais, e que podem ajudar todas vocês a terem um namoro mais tranquilo e duradouro. Isso mesmo, como nem todo mundo sabe, eu namoro há 5 anos e alguns meses. Comecei a namorar aos 18 anos, e o Wesley é o meu primeiro e com certeza, meu único namorado, dei muita sorte, achei a pessoa que quero ao meu lado para sempre logo no meu primeiro namoro.

Durante esses anos, eu aprendi muita coisa, amadureci muito. Muitas coisas que eu achava que era certas e não eram, ou coisas que estavam boas, mas que podiam melhorar muito. Então como amadureci muito nesse tempo, eu quero dividir com vocês dicas simples que podem deixar o seu relacionamento mais leve. Vem cá!

large2

1 – Como são apenas 5 dicas, eu pensei muito em cada uma e a primeira é mais individual do que de um relacionamento. A primeira coisa é: ou você confia no seu boy, ou não confia. Viver na desconfiança deve ser uma das piores sensações do mundo, você começa a ter uns surtos achando que está tudo errado no seu namoro por conta da sua desconfiança. Portanto namore alguém que você confie.

02 – Começou a namorar, que lindo, que beleza, você só precisa entender uma coisa: ninguém é dono da vida de ninguém. Gente, não é porque você namorou que agora você possui a vida do seu parceiro, que você manda nele, que não existem mais amigos, que o mundo agora é só você e a pessoa. Isso está errado, todo mundo precisa de um momento sozinho, e esse momento pode sim ser dividido com amigos em um dia na semana na mesa do bar. E isso serve para você que abre mão da própria vida, abre mão dos amigos: isso é burrada, um relacionamento leve vai muito além do que o mundo girando apenas no sentido de vocês dois.

03 – Essa dica é bem importante, todo casal briga, tem DR, tem aquele momento ‘’ precisamos conversar’’, só não pode esquecer que o amor deve prevalecer acima de discussões, portanto se esforcem e se for necessário, dê sim o braço a torcer, dormir brigado é uma coisa desconfortável. Acho que esses é um dos grandes segredos de relacionamento duradouro, nunca deixar que aquela discussão deixe você sem falar com a pessoa que você divide a maioria dos momentos bons ou ruins da sua vida.

04 – Essa eu tenho certeza absoluta que eu nunca passei, mas vamos lá, vejo muitas pessoas que só são felizes no relacionamento se saem em todos os finais de semana. Gente na boa, em que país estamos que se ganha tão bem para gastar todos os finais de semana? Se você está com o cara ou com a mina pelo que ele ou ela tem, PARE! Isso é grave e está muito errado, quem ama, gosta da pessoa em qualquer lugar, seja em um barzinho, ou seja na cama assistindo um filme e comendo pipoca, dê valor a companhia!

05 – Essas dicas passam muito rápido, mas essa é uma que eu considero muito. confie no seu taco acima de tudo! Seu namorado ou namorada te escolheu, então é porque ele ou ela quer estar ao seu lado. Sim, existem muitos casos em que não é isso que acontece, eu sei, mas pensem, o cara quando vai ser canalha, ele é casado, solteiro, namorando, ficando, com ou sem aliança. E a única coisa que posso dizer é que se isso vier acontecer, meu amor não chore, VOCÊ NÃO PERDEU, SE LIVROU!

Espero que eu tenha ajudado vocês, algumas dessas dicas não parecem fácil, mas o relacionamento é um amadurecimento de ambas as partes, só não espere que a outra pessoa comece a fazer para você fazer também. As coisas só mudam ao nosso redor quando nós mudamos.

 

 

Um beijo!

Continue Reading

5 dicas pra você levar a vida de solteiro de forma mais leve

No 5 dicas de hoje, eu vou usar a minha “experiência” como solteira pra dar sugestões pra você que quer levar a vida de solteiro de forma mais leve! A gente é acostumado a ver só o lado ruim da solteirice, principalmente as mulheres, então hoje vou falar porque não precisa ser assim! Vem ver 🙂

large

1 – Pare de se culpar – eu não entendo porque ser solteira tem que ser uma condição de culpa, sendo que não é nada disso! Parece que se você não namora a culpa é sua. Culpa sua de escolher demais, culpa sua de não se abrir pras pessoas, culpa sua de não procurar, culpa sua de querer ficar solteira. Gente, para! Ser solteira, assim como namorar, é uma condição, um estilo de vida, uma escolha, uma parte da sua vida e onde seu mundo não gira. E se você não namora, ninguém tem culpa, MUITO MENOS VOCÊ! Pode ser que não tenha rolado com ninguém e isso é ok, pode ser que você não queira e isso é mais ok ainda. Ninguém tem nada a ver com isso e você não pode e nem deve se culpar.

2 – Pare de se vitimizar – outro comportamento comum de se observar em quem tá solteiro é a vitimização quando você está há muito tempo solteiro ou quando seus amigos namoram e você não. AMIGA, PARE. Como eu disse, seu mundo não gira em torno de relacionamentos amorosos e criar um drama em torno disso só vai te fazer infeliz. Para de ver a vida como solteira como algo ruim, porque não é. Tem tanta coisa incrível de se fazer quando se é solteira, se você abrir um pouquinho os olhos e parar de achar que ninguém te ama, ninguém te quer e que você vai morrer sozinha e abandonada, vai ver um mundo incrível aí na sua frente.

3 – Não entre em relacionamentos por medo de ficar sozinha  – esse é um dos piores erros que muitos solteiros cometem, até eu já cometi, que é o de ficar com tanto medo da solidão que acaba entrando em qualquer relacionamento, até mesmo sem gostar da pessoa. Isso não vai resolver nada e ainda vai causar sofrimento nas duas partes. Primeiro pra você, que vai estar num relacionamento onde você não gosta da pessoa, e a outra pessoa, que vai ter do lado alguém que não quer estar com ela. Isso tudo porque as pessoas taxam a solteirice como algo ruim, como um castigo.

4 – Aproveite as coisas boas de ser solteira – acredite, tem muita coisa legal pra se fazer quando se é solteira. Cair na balada sem restrições e sem hora pra voltar. Beijar quem você quiser e não beijar ninguém se não quiser. Conhecer várias pessoas novas ao mesmo tempo, porque não? Ir à encontros diferentes, com pessoas diferentes, em lugares diferentes e interessantes. Se abrir e conhecer gente nova, que pode ser um caso de uma noite ou pode se tornar uma amizade bacana. Viajar sozinha, planejar seus horários, seus roteiros, as coisas que você quer fazer, sem depender do consenso de outra pessoa. Escolher se quer passar seu sábado na gandaia ou de pijama o dia todo sem pentear o cabelo. Enfim, são tantas possibilidades que você só fica se lamentando em casa se quiser.

5 – Aprenda a se amar e gostar da sua companhia – todas essas dicas são meio que um caminho pra última dica, que é o de se amar e se sentir bem sozinha. É fácil chegar nesse nível? Não, eu demorei alguns anos pra aprender e só consegui depois de muita cabeçada, de muito relacionamento frustrado, de muito amor não correspondido e de muitas noites lamentando. Até que um dia me deu um start de que eu não precisava ser assim, eu não precisava me lamentar, eu não precisava procurar um cara incessantemente, que eu tinha muita coisa pra viver e aproveitar sem precisar de ninguém. E hoje, eu só troco minha solteirice por algo que seja melhor que isso, porque amo minha liberdade e mais do que tudo, eu amo minha companhia. E eu sei que quando eu encontrar alguém, vai ser muito mais gostoso e leve pra mim.

E quando alguém me pergunta como eu sou feliz solteira, é assim que eu respondo 🙂

Espero que as dicas ajudem vocês!

Continue Reading

5 dicas para sobreviver se você se perder floresta

Olá Maracanã! Hahahah é assim que eu me sinto quando eu escrevo para vocês, como se tivesse escrevendo para um multidão de gente que canta o hino nacional a capela! Como vocês passaram o final de semana, com esse feriadinho prolongado? Maio é um mês lindo né? Já começa até com feriado, não sei porque estou me gabando tanto afinal eu trabalhei todos esses dias.

Mas vamos lá não estou aqui para lamentar, estou aqui para dar as minhas 5 dicas para vocês! Essa série vai ser bem gostosa, eu to sentindo isso! Vem cá!

Antes de eu dar as minhas 5 dicas, eu quero justificar minha escolha, e é algo bem simples: tomara que a gente nunca passe por uma questão de sobrevivência, mas se passarmos, essas dicas podem te ajudar a sobreviver por sei lá, 24 horas em uma floresta, em um cativeiro e o que mais imaginarem. Podem ser dicas inusitadas, mas vão funcionar. Vem ver!

large

01 – Meias são uma ótimo solução em caso de emergência para quem está perdido em qualquer lugar desse mundo e está com sede, sem um copo ou uma garrafa de água. Achou um rio, uma cachoeira, um lago e precisa beber água e levar um pouco dela até conseguir ajuda? Encharque a meia, ela vai segurar uma boa quantidade de água e caso der sede, você torce ela na boca isso vai te aliviar por mais algum tempo.

02 – Caso esteja perdido em uma floresta, sempre carreguem uma lupa na bolsa, na mochila, no acampamento, não importa, mas carregue. O motivo é simples: perderam os alimentos, ou acabaram antes do tempo, vai restar o quê? Os insetos! Aponte a lupa em direção ao sol e deixe a luz ultrapassá-la até atingir o inseto, que ele vai ficar ótimo pra comer hahahaha!

03 – Já é noite, ninguém te salva, só resta você e um boy magia, você e a melhor amiga, você e um Zé ninguém que apareceu no seu destino, meu amor, a dica é simples: calor humano, quanto mais perto, mais grudado, menor é a possibilidade de sentir frio e chegar a hipotermia. Quanto mais frio, mais energia a pessoa perde, e se você já está sem alimento, meu bem, se aqueça!

04 – Tá perdidão na floresta, sem alimento, mas consegue visualizar um pé de acerola, ou outra fruta pequena por exemplo, mas não tem onde guardar, além dos bolsos da calça, ou do short? Claro que tem, que drama! A dica é tenha sempre um preservativo, ele pode ser um ótimo recipiente para guardar pequenos alimentos ou até mesmo água, vamos lá os ser humano vive até uma semana sem alimento, mas não vive sem água, então acredite o preservativo é uma boa opção, pois cabe muita coisa. Tenha sempre um no bolso, ou mais, afinal, sempre é bom andar com camisinha pra qualquer imprevisto.

05: É a mais fácil: não se desespere! MENTIRA, se desespere e muito, aproveita e libere aquela raiva, mas depois se recomponha e volte a dica número 01!

Voltando ao hino nacional a capela, se até Brasil perdeu de 7 x 1, não duvide de mais nada, muito menos das minhas dicas!

Aquele abraço!

Continue Reading

5 dicas pra quem quer morar sozinho (ou dividir apê com outras pessoas)

Hoje começamos uma nova série aqui no blog! Ela vai se chamar “5 dicas”, e toda segunda e terça-feira, eu e a Denise vamos dar dicas úteis, engraçadas, polêmicas e valiosas pra você se virar no dia-a-dia, na vida amorosa, numa floresta selvagem ou no meio de uma balada cheia de desconhecidos. A intenção é descontrair, deixar seu dia mais leve e engraçado. E pra começar, e pra comemorar que hoje faz seis meses que eu tô morando longe de casa, vim dar 5 dicas pra quem quer morar sozinho ou dividir o apê com outras pessoas.

morando_sozinha

1 – Paciência – um dos grandes conselhos que eu dou é: tenha paciência, porque não é fácil e você não pode correr pra casa da sua mãe na primeira oportunidade. Bom, se você não morar longe até pode, mas geralmente não é caso. Tanto morar sozinho quanto com outras pessoas é um exercício de paciência porque na maioria das vezes as coisas não acontecem do jeito que você quer, geralmente é você que tem que fazer tudo por você, desde lavar suas meias até fazer/comprar seu almoço, as contas chegam e elas não esperam sua boa vontade de pagá-las, e você ainda tem que contar moedinha no fim de mês se não quiser comer lixo.

2 – Faça supermercado – não tem coisa pior na vida de quem não mora com os pais que dar aquela fome às 2h da manhã e não ter nem um pedaço de pão velho pra mastigar. Aí você se lembra que magicamente no armário ou na geladeira dos seus pais SEMPRE tem uma coisinha pra beliscar, mas não é mágica, é que seus pais sabem que a gente tem que fazer supermercado se quiser ter as coisas. Mas spoiler, fazer supermercado é chato pra caraleo e pagar mais chato ainda. Mas é necessário. E não adianta encher o carrinho de bobeira, com o passar dos meses você vai aprendendo que é melhor comprar comida de verdade porque trakinas e nuggets não sustentam um ser humano adulto.

3 – Aprenda a lavar suas roupas – assim como a compra de supermercado não se faz sozinha, as roupas infelizmente não se lavam sozinhas ainda. Mas a máquina de lavar é 75% de adiantamento nessa parte, os 25% restantes ficam pra você botar e tirar a roupa da máquina. Se você não sabe como lavar a roupa, nesse tutorial aqui eu ensino direitinho.

4 – Procure – muita gente me pergunta como eu arrumei o apê que eu tô morando, e é muito simples: procurando. Tem vários aplicativos e sites que ajudam a achar um apartamento pra você morar sozinho e pra você dividir com outras pessoas. No easyquartos, onde eu achei o meu, você encontra várias pessoas que já moram no apê e estão com quartos vagos, isso é bom pra quem precisa se mudar rápido, sem burocracia de imobiliária e por um preço mais camarada. Mas se você quer se aventurar a morar sozinho, apps como Zap Imóveis e Imóvelweb foram feitos pra isso, você vê fotos, pega o contato do corretor e vai atrás.

5 – Não tenha medo e saiba se adaptar – ouço muito a frase “como você consegue morar com pessoas que você não conhece??”, e a resposta é simples: tudo na vida é adaptação. Claro que o ideal é você procurar morar com gente que tem o mesmo estilo de vida que o seu, a mesma rotina, mesmos ideais, essas coisas. Por exemplo, eu não conseguiria morar em uma república de estudantes mais novos, que curtem fazer festas adoidado, porque eu não sou assim. Mas se você curte, se joga! Morar com outras pessoas pode ser uma experiência bem legal de adaptação e de crescimento, você aprende a se adaptar com outras pessoas que não são sua família, vira amiga e aprende com elas. E fora que é uma prática muito comum no mundo todo, se você for fazer intercâmbio, a menos que você seja milionário, você vai morar com gente diferente de você. E não tenha medo, não é um bicho de sete cabeças, quando você aprende a respeitar o espaço do outro, vira uma puta experiência de vida. Recomendo a todo mundo pelo menos uma vez na vida! E você tem a liberdade de sair quando quiser e procurar novos roomates 🙂

E aí, gostaram das dicas? Quem quiser saber mais sobre essa vida, só me dizer aí nos comentários!

Continue Reading